segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Conversa de mãe

Dizem que mulher gosta de falar, principalmente se for pra bater papo "cazamiga".
Olha, acho que existe muita verdade nesta afirmação.
Mas o caso é que antes de terem filhos, as mulheres gostam, podem e conseguem bater papo a hora que bem entendem e o quanto querem, seja lá por qual meio de comunicação!



Porém, quando viram mães, as mulheres travam uma verdadeira luta, tentando a todo custo não deixar que esta tradição milenar se perca. Nem todos os meios de comunicação disponíveis são capazes de amenizar tamanha dificuldade em algo que outrora fora tão simples! A verdade, neném, é que com filhos, o bate-papo cazamiga fica seriamente comprometido, chegando a correr risco de extinção! Isto seria um desastre! Então, a gente segue em frente para manter as tradições intactas: tamu na batáia!!!

Abaixo, segue diálogo entre as amigas Carina - mãe de duas - e Giovanna - mãe da Pitchu!

Por telefone:
 C: Oi, amiga, tudo bem? Preciso te falar um negócio.
G: (choro intenso ao fundo) Oi, amiga! Tudo, e você? A Nina está chorando, vou cuidar dela e já te ligo, ok?

2 dias depois, por telefone:
G: Oi, amiga! Desculpa, foi tanta correria que só consegui te retornar agora! A Nina está com os dentinhos nascendo, já viu, né?
C: linda, não tem problema! Olha, eu est.. no eleva.. vai cair... Dep.. .. Li..
G: amiga???

3 horas e meia depois, via whatsapp:
C: oi, amiga, estava no elevador, olha, estou indo pegar as meninas na escola e mais tarde te ligo sem falta, ok?

No dia seguinte, pela manhã, vem a resposta via whatsapp:
G: oi, amiga! Claro! Pode me ligar!!

45 minutos depois, por telefone:
C: ai, linda! Que correria!! Tenho tanta coisa pra te contar! Olha, vou levar a Lô no dentista e depois tenho a tarde livre. Vamos tomar um café?
G: eba!!! Lógico!!! Que horas?
C: umas 15h.
G: Fechado!!


Às 14:30, via sms:
G: amiga, de pé nosso café? Nina e eu estamos prontas! Onde te encontramos?

Às 14:39, via whatsapp:
G: linda! Café de pé?

Às 14:47:
G: linda?

Às 14:55 por mensagem no Facebook:
G: amiga, tentei falar com você e não consegui, estou deixando mensagem aqui também! Vim tomar um café com a Nina. Me ligaaaaaaaa!!!!

Às 19h, via whatsapp:
C: amiga! Desculpa! Acabei dormindo, estava muito cansada porque a Bibi acordou 11 vezes esta noite.
G: sem problemas! Me liga pra falarmos! A Nina dormiu, agora posso conversar!! Hehe!
C: tô ligando!
C: dando caixa!
G: caixa?? Tô aqui, liga de novo!
C: ok!!
C: agora está chamando e você não está atendendo.
C: Gi??
C: GIIIIII?
C: Amiga?

Às 9 da manhã do dia seguinte via sms:
G: amiga, desculpa o sumiço ontem! Não consegui te atender, a Nina acordou chorando e custou para acalmar.
C: amiga, tô levando a Lô no ballet e te ligo em 5 minutos! Mil coisas pra contar!
G: ok! Quero saber tudo!!

5 dias depois, via whatsapp:
C: affe amiga, você sumiu!
G: eu? Você que ia me ligar em 5 minutos e desapareceu!! 
C: é mesmo! Verdade!! Kkkkk
G: kkkkkkkk
C: kkkkkkkk

(Trecho fiel de uma das nossas conversas mais filosóficas!!)





















G: ahahhahahhahahah
C: kkkkkkkkkkk
G: ADOOOORO! Heheheheh! 
C: amoooooo! Kkkkkk!
G: haahhhaa!!!! kkkkkkkkkkk!!!!!!


C: amiga, preciso ir! Amei falar com você!
G: adoooorooo!!! Bjokas!!!

3 comentários :

  1. HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA, ai meu Deus Gih, só vc mesmo! HAHAHAHA ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhahaha! Eba, Jamy!!! Amei ver seu comentário por aqui, amiga!!!! É ou não é assim??? Hihihi!!! Bjokassss

      Excluir
  2. Amuuuu esses dialetos próprios que somente as grandes amigas decifram...delícia!!!

    ResponderExcluir

Curtiu? Aqui tem mais!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...